Arquivo da tag: amigos

Don’t give up

Hoje meu espaço é aberto para uma letra de música que mexe comigo. Creio que Deus dá aos “Artistas” antenas para captarem em suas artes coisas que “pessoas normais” não conseguem sistematizar em seu mundo. Essa letra vai para todos os amigos e amigas que estão pensando em desistir:

“Nesta terra orgulhosa nós crescemos fortes
Nós éramos solicitados o tempo todo
Eu fui ensinado a lutar
Ensinado a ganhar
Eu nunca pensei que poderia falhar

Nenhuma luta restou, assim parece
Eu sou um homem cujos sonhos foram abandonados
Eu mudei minha cara
Eu mudei meu nome
Mas ninguém quer saber de você, quando você perde

Não desista
Porque você tem amigos
Não desista
Você ainda não foi derrubado
Não desista
Eu sei que você pode fazer isso

Pensei que tinha visto de tudo
Nunca pensei que pudesse ser afetado
Pensei que nós seríamos os últimos a ir
É tão estranho como as coisas caminham

Dirigi a noite até a minha casa
O lugar em que nasci, na margem do lago
Enquanto a luz do dia raiava, eu via a terra
As árvores tinham queimado até o chão

Não desista
Você ainda nos têm
Não desista
Nós não precisamos de muita coisa
Não desista
Porque em alguma terra distante há um lugar ao qual pertencemos

Descanse sua cabeça
Você se preocupa demais
Tudo vai dar certo
Quando os tempos se tornarem ásperos
Você pode contar com a gente
Não desista
Por favor, não desista

Tive que sair daqui
Não posso fazer mais nada
Vou até aquela ponte
Manter meus olhos lá embaixo
Seja lá o que aconteça
E seja lá depois disso
Esse rio está fluindo
Esse rio está fluindo

Mudei para uma outra cidade
Tentei duramente me estabelecer
Para cada trabalho, tantos homens
Tantos homens, ninguém necessita

Não desista
Porque você tem amigos
Não desista
Você não é o único
Não desista
Nenhuma razão pra se envergonhar
Não desista
Você ainda nos têm
Não desista agora
Nós estamos orgulhosos de quem você é
Não desista
Você sabe que isso nunca é fácil
Não desista
Porque eu acredito que existe um lugar
Um lugar ao qual nós pertencemos”

Ao terminar de ler essa letra umas palavras me são trazidas à mente:
“Tende bom ânimo, eu venci o mundo” João 16:33

Abraço e até a próxima!

*Música de Peter Gabriel

Amizade

A partir desta semana, meu amigo Homero e eu trocamos o dia de postagem no blog. Eu passo a escrever na quarta e ele na quinta-feira.

Homero não é somente um amigo. Ele é um irmão em Cristo, um pai na fé, amigo amado, chegado como irmão. Ele é padrinho de casamento, confidente, conselheiro, um homem admirado por mim e por minha casa.

Como disse alguém muito sábio, entre verdadeiros amigos de fé há terra santa.

Eu sou grato pela vida dele e por toda sua família, por seu ministério e pela nossa amizade.

Espero que todos possam ter a oportunidade de encontrar na vida, um amigo como o meu, que me amou sempre e me buscou no fundo do poço. Obrigado amigo.

Jesus tinha bons amigos. Ele os amava e deu sua própria vida por eles, e é interessante observar que seus amigos também deram suas vidas por esse amor. Uns viveram por ele. Outros morreram por ele. Judas, o traidor, que também foi chamado de amigo por Jesus, não compreendeu o perdão, e amargurado, encheu-se de culpa e se matou.

Jesus continuou fazendo amigos que continuaram vivendo e morrendo por ele. Ele quer ser nosso amigo, e deu sua vida por nós.

Espero que possamos retribuir esse amor vivendo nossas vidas por Ele, através Dele e para Ele. Que Ele nos conduza à Terra Santa e possa nos chamar de amigo.

“Em todo o tempo ama o amigo, e na angústia se faz o irmão.” Pv 17:17

Obrigado Senhor Jesus, pela sua amizade.

Cooperador de Cristo.

O Homem que bebeu do cálice *

– ¨Deus, o Senhor não entende! A vida é muito complicada, o pecado é aterrador, o mundo é frio. Problemas em todas as áreas. Parece que o mundo se volta contra a minha existência! É fácil ficar desse lado, com todo o Seu poder, em uma realidade totalmente boa e que faz a sua vontade! Me desculpa Deus, mas, às vezes, acho que o Senhor é sarcástico! Olhando aí de cima, sem compreender o que vivo aqui embaixo. Pessoas do meu convívio são volúveis, ora se aproximam, ora se tornam competidores. Dependendo da situação estão comigo, em outras, se voltam contra. Ainda tenho os amigos. Mas os amigos também me traíram, em momentos que precisavam deles, sei que por fraqueza deles, mas é duro conviver com isso. Tenho um Estado que, quando necessito, não me atende. Só consigo ver injustiças e corrupção. Na saúde (O Senhor não sabe o que é uma fila do SUS!), na justiça, no salário mínimo, nos altos impostos. Ah! Me resta a tua Igreja, mas infelizmente, dentro dela, já fui condenado e julgado. Sem tudo isso só tenho o Senhor, e, várias vezes me sinto desamparado até por Ti! Essa é a minha vida! O Senhor não compreende!!!!¨

-¨Meu querido, você se lembra quando estive com vocês? Como um homem? Você se lembra da minha última semana entre vocês? Você se lembra do povo, que queria me tornar rei e, em alguns dias, me mandou para a cruz? Você se lembra dos meus amigos mais íntimos, que dormiam enquanto deviam vigiar? Que me negaram na frente de pessoas? Você se lembra de um Estado que lavou suas mãos frente a minha causa? E a Igreja, aquela mesma que Eu trouxe à existência, que não me reconheceu em sua alta cúpula e instigou a minha condenação por cruz! Você se lembra da minha frase naquela cruz, ao sentir o peso do pecado: ¨Por que me desamparaste?¨ Eu conheço seus anseios, eu vive os seus conflitos, eu vivi no mundo sem luz. Eu Sou Deus de forma plena, mas  Eu fui Homem de forma plena! Eu bebi do seu cálice! E agora te convido a beber do meu!¨

Abraço e até a próxima!

* Esse título é um empréstimo de uma música sensacional da banda Sujeito à Reboque. Confesso que o texto não chega aos pés da letra da música, mas não encontrei título melhor para o que gostaria de compartilhar.