Quando a repetição leva à imperfeição

Dizem que a repetição leva à perfeição. Em alguns casos bem específicos como o gesto técnico de um atleta isso é verdade. Mas para nós, pessoas comuns, tanta repetição leva à exaustão, e em vários casos à imperfeição.

Somos repletos de hábitos ruins, vícios enraizados. Executamos inúmeras tarefas sem raciocinar. A humanidade está cada vez melhor em exibicionismo e cada vez menos reflexiva. Estamos mais rasos, superficiais. Buscamos informações em redes sociais, somos saciados por curtidas e aquelas carinhas bonitinhas.

Por que as pessoas fazem 1 litro de café e bebem 150 ml? Todos os dias elas desperdiçam quase todo o café que fazem. E tem os que fazem isso várias vezes ao dia. Deveriam simplesmente fazer menos café!

Queremos emagrecer mas continuamos comendo as mesmas coisas e vivendo uma vida sedentária!

Pessoas tentando salvar seu casamento tentando mudar o outro. Será que é o outro, ou só o outro que tem que mudar?

Vejo mais do mesmo. Vejo pessoas andando em círculos.

Vejo as gerações se renovando e os anciãos repetindo os mesmos erros. Ao invés de usarem suas experiências para se tornarem sábios, repetem as mesmas tolices da mocidade.

Fica esperto! Faça diferente!

Cooperador de Cristo.

3 comentários sobre “Quando a repetição leva à imperfeição

  1. Que texto legal!
    Me fez lembrar que quando era menorzinha, lia o livro de juízes, e pensava: ”que povo burro, errando sem parar com o óbvio na cara deles”. E nós, aqui estamos, repetindo e repetindo outros erros diferentes com o óbvio também na nossa frente.
    Acredito que a cada geração, as nossas falhas que foram reincidentes se tornarão mais evidentes para as próximas, porém, sempre e sempre criaremos uma outra recorrência diferente, dentro da nossa mais nova mentalidade. Será que será sempre assim? Dentro dessa nossa ”evolução”, há muito mais capacidade e facilidade para captar o passado ( e na grande maioria das vezes, no outro), do que no próprio presente gozado.
    Mamãe encomendou uma cafeteira italiana que só faz 150ml de café, pq minha irmã tinha uma, e amamos! Ela é muito bonitinha, sim, pequenininha, e como a da minha irmã, faz somente 150ml.. mas aqui em casa não é apenas uma pessoa que toma café, e eu sempre tenho que voltar na cozinha no meio do lanche pra fazer novamente mais café, pq não me contento com meia xícarazinha. Rs..
    Acredito que muitas vezes, na melhor das boas intenções, repetimos certas posturas, mas sem analisar o significado e as diferentes possibilidades existentes pra nós.. algo aparentemente legal pra alguém, nem sempre, ou quase nunca também será o melhor pra nós, e cada dia estamos mais parecidos um com o outro, ou tentando nos tornar mais parecidos com o outro, ao viver dentro de condutas que mais soam para nós como regras absolutas em uma sociadade.
    Ps: Depois descobrimos que a loja vendia muitas cafeteiras daquele mesmo tipo, em tamanhos diversos. Sim, compramos.. E raramente usamos a de 150ml, linda, bonitinha, e pequenininha, para tomar café em família.
    A repetição COM CORREÇÂO até a exaustão leva a perfeição..

  2. Que texto legal!
    Me fez lembrar que quando era menorzinha, lia o livro de juízes, e pensava: ”que povo burro, errando sem parar com o óbvio na cara deles”. E nós, aqui estamos, repetindo e repetindo outros erros diferentes com o óbvio também a nossa frente.
    Acredito que a cada geração, nossas falhas que foram reincidentes se tornarão mais evidentes para as próximas, porém, sempre e sempre criaremos uma outra recorrência diferente, dentro da nossa mais nova mentalidade. E infelizmente acho que isso só vem se agravando com a tecnologia. Será que será sempre assim? Parece que dentro dessa ”evolução”, sempre há muito mais facilidade para captar o passado ( e na grande maioria das vezes, no outro), do que no próprio presente gozado.
    Mamãe encomendou outro dia, uma cafeteira italiana que só faz 150ml de café, porque minha irmã tem uma, e gostamos muito do café que ela faz! Ela é muito bonitinha, sim, pequenininha, e como a da minha irmã, faz somente 150ml.. mas aqui em casa não é apenas uma pessoa que toma café, e eu sempre tenho que voltar na cozinha no meio do lanche pra fazer mais café, pq não me contento com a meia xícarazinha. Rs..
    Acredito que muitas vezes, na melhor das boas intenções, repetimos certas posturas, mas sem analisar o significado e as diferentes possibilidades existentes pra nós. Algo aparentemente legal e que deu certo pra alguém, nem sempre, ou quase nunca também será o melhor pra gente, e cada dia estamos mais parecidos um com o outro, ou tentando nos tornar mais parecidos vivendo dentro de condutas uma série de condutas que parecem soar como regras absolutas dentro da sociadade.
    Ps: Descobrimos que a loja vendia muitas cafeteiras daquele mesmo tipo, em tamanhos diversos. Sim, compramos.. E raramente usamos a de 150ml, linda, bonitinha, e pequenininha, para tomar café em família.
    ”A repetição COM CORREÇÂO até a exaustão leva a perfeição”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *