Pais da Igreja – Clemente de Alexandria

Mais um grego que se tornou cristão e difundiu o evangelho em meio a filosofia. Nasceu em Atenas e, ainda jovem, foi para Alexandria, onde aperfeiçoou o diálogo entre fé e razão no seio da tradição cristã.  Durante uma perseguição (202-203), se refugiou em Cesareia, onde morreu em 215.

Deixou três importantes escritos, seus escritos demonstram a sua preocupação.  Esses escritos talvez constitua uma trilogia do crescimento e amadurecimento cristão. Primeiramente o “Protréptico”, termo que significa exortação. Nesse escrito temos uma exortação do autor para aqueles que estão iniciando e buscando o caminho da fé. Segundo ele, Jesus é o nosso maior exortador rumo a verdade, e a própria verdade.

A seguida temos o “Pedagogo”, isto é , o educador. Livro destinado para aqueles que já estão no caminho e precisam serem ensinados a respeito da vida. Mais uma vez temos Jesus como o grande educador.

Por fim, o “Estrômata”, palavra grega que significa tapeçaria. Que são um conjunto de ensinamentos mais profundos da vida, tendo Jesus como o grande mestre. É a arte de unir o conhecimento fragmentado sobre a vida.

Exortação para o inicio da caminhada…

Educação para a caminhada …

Entender a vida como uma tapeçaria, conseguir enxergar a obra em meio aos pequenos fios…

Em que fase de vida você está?

Você tem, em Cristo, seu exortador, seu educador, seu tapeceiro?

Que possamos questionar nosso crescimento, nosso amadurecimento , tendo como ponto de partida Clemente!

Abraço e até a próxima!

Homero Castro

Sobre Homero Castro

Nome: Homero Resende Castro Nasci em 1979 em Belém do Pará, moro em Belo Horizonte desde 1989. Sou formado em História pela Universidade Federal de Minas Gerais. Desde 1999 trabalho como missionário na associação Alvo da mocidade. Eu e minha maravilhosa esposa, Camila temos duas filhinhas lindonas, Helena e Elisa, e uma sapeca cadela chamada Leona.

2 comentários sobre “Pais da Igreja – Clemente de Alexandria

  1. Espero chegar na “Tapeçaria”, Homerão!

    Você podia continuar escrevendo essa série aí por bastante tempo, hein? Ainda bem que são muitos, os pais da igreja…

    Bração!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *