Não deu tempo de bolar um título!

Insônia… O sono bate, o corpo pede descanso. Todos os pré requisitos são sabaticamente cumpridos mas o mais importante não acontece: as pálpebras não se mantêm fechadas. A mente  não entra em repouso.

E aí começa a sabatina… Vai ao banheiro, volta para a cama. Bebe um copo d’água, volta para a cama. Fala com Deus, na esperança de que o repouso do coração leve ao sono profundo,  mas isso também não funciona. Assiste um episódio da série que precisa ser colocada em dia, lê um capítulo do livro que está sobre a cabeceira e… Nada! Enquanto isso a mente se prende ao despertador, programado para as 08:00 da manhã, uma vez que a lista de atividades que precisam ser cumpridas no dia seguinte é grande. Chega uma hora em que a noite cansa. O vazio do silêncio e a falta de perspectiva em conseguir passar por ela dormindo fazem com que o coração se torne ansioso. Já sem muito o que fazer se espera pela manhã, pelo momento em que o despertador vai tocar e que o silêncio e a solidão da noite interminável finalmente terão fim e darão lugar à tão produtiva manhã de sábado!

Faz lembrar o salmista, quando diz: “A minha alma anseia pelo Senhor, mais do que os guardas pela manhã, mais do que aqueles que guardam pela manhã.” Salmos 130:6

Enfim, o som do despertador! E aí vem a contradição…

O dedo desliza sobre a tela do celular, mas não com a intenção de desligá-lo, e sim de ativar a função soneca. A preguiça de sair do aconchego sob medida do colchão toma conta. 10, 15, 40 minutos… E grande parte da tão esperada manhã já se foi quando finalmente cria-se a coragem de colocar os pés pra fora da cama.

E então o mesmo coração que anseia pelo Senhor durante a noite sem fim é o coração que, obstinado a pecar, se enrola no pecado, “deita e rola” nos seus próprios prazeres quando a Manhã chega, quando a Manhã o chama.

Não sei quanto tempo já perdi com essa contraditória condição espiritual de desejar a Manhã e protelar para vivê-La, mas tenho certeza que foi muito!

Mas enfim, não tenho mais tempo… Enrolei muito na cama! Estou atrasado e preciso ir! Infelizmente quando isso acontece algumas coisas não ficam como deveriam.. Alguns textos ficam sem final, ou até mesmo sem o título!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *