Deixando um pouco os indícios, os atributos.

“Como, pois, poderás repelir a um só capitão dos menores servos do meu senhor, quando confias no Egito, por causa dos carros e cavaleiros? Agora, pois, subi eu sem o SENHOR contra esta terra, para destruí-la? O SENHOR mesmo me disse: Sobe contra esta terra, e destrói-a.” (Isaías 36:9-10)

Adianta de quê os atributos se o Senhor não autorizar ou mesmo ordenar? Uma bela tática, ótimos ouvidos, exímia precisão para o tiro nem sempre garantem sucesso na caça. Muitos exércitos cairam tendo em seu efetivo militar inúmeros soldados e infantaria das mais preparadas. Em tudo na vida, sobretudo nas escolhas, elevamos os bons atributos e os fortes indícios, deixando de lado a dedicação e um dos presentes de Deus para a humanidade: a confiança nELe. Parece um contra-senso, mas quando falamos do Deus soberano, confiar nEle é privilégio concedido que só traz bons ventos.

Uma receita de sucesso não é baseada apenas em talentos e boas características, mas dedicação. Um blog não se faz com ótimos escritores, senão com ótimos leitores. Parabéns ao Outras Fronteiras e que muitos anos venham.

A todos nós, uma ótima semana e bons resultados nas escolhas.

Gabriel Lazarotti

Sobre Gabriel Lazarotti

Redimido pelo amor de Deus. Discípulo de Jesus que segue por este Caminho. Um sincero apreciador da criação. Pretenso poeta todo o tempo, advogado e músico nas horas vagas.

2 comentários sobre “Deixando um pouco os indícios, os atributos.

  1. Os atributos de Deus tornam-se ineficazes para aqueles que não confiam…

    “Oh! Provai e vede que o Senhor é bom; bem-aventurado o homem que nele se refugia.” Sl.37:8

    Eu só me refugio aonde ou em quem eu confio…

    Valeu, Gabana! Que o nosso blog seja sempre de pessoas que vivam em confiança plena Naquele que tem nos sustentado… Assim, a gente experimenta os atributos do Pai e partilha com os outros…

    Abração!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *