Apresentação: faell

Quem sou eu? O que me define como pessoa? Qual a minha identidade?

Poderia me apresentar dizendo:

Meu nome é Rafael de Freitas Silva. Tenho 28 anos e moro em Belo Horizonte. Sou formado no curso de Educação Física, mas trabalho como missionário numa associação cristã chamada Alvo da Mocidade. Me casei com uma esposa maravilhosa chamada Lucianna (com dois “enes”) e sou muito grato a Deus por poder conviver e me relacionar com ela. Gosto de ler, fazer esportes, sair pra bater papo com os amigos, viajar. Vale a pena dizer também que torço pro Galo Mineiro que me traz sentimentos variados, mas não quero entrar em detalhes. Me apresentar dessa maneira te satisfez? Não a mim. Todas estas coisas são muito importantes pra mim, mas gostaria de me apresentar de outra maneira…

Nosso mundo sofre uma grande crise de identidade. As pessoas muitas vezes não sabem quem realmente são e a pergunta inicial deste post martela e ecoa por toda a vida. Se eu perguntar a você quem é o fulano talvez a resposta seja: Aquele é um médico muito famoso. Mas eu responderia: Não, você não entendeu a minha pergunta. Minha pergunta é quem ele é e não o que ele faz. Percebe a confusão que muitas vezes as pessoas fazem? O mundo define a identidade das pessoas através de seus feitos sejam eles bons ou não.

Por isso gostaria de responder quem eu sou citando um texto de Marcos 1. 9-11, quando Jesus é batizado. Este é um momento em que se inicia a vida pública de Jesus. Ele ainda não era tão conhecido. Ainda não tinha feito milagres, não tinha trazido grande impacto na sociedade, curado doentes, ressuscitado pessoas e não havia realizado seu grande sonho e sua maior paixão: sua morte e ressurreição pela humanidade. Mesmo não tendo feito todas estas coisas até o momento, o texto narra uma frase fantástica vinda dos céus: ““Tu és o meu filho amado; de ti me agrado”. Deus estava naquele momento revelando a verdadeira identidade de Jesus: Ele era o Amado de Deus. E Ele ainda não havia “feito nada”.

Claro que não quero me colocar em igualdade com Jesus, mas desde que conheci uma vida ao lado de Deus, tenho aprendido dia a dia que aquela frase dita a Jesus faz muito sentido em  minha vida e define minha verdadeira identidade: eu sou um filho amado de Deus.

Ler o blog em meu dia a dia tem me ajudado a descobrir várias coisas sobre minha identidade como um filho amado de Deus. Escrever no blog a partir do dia de hoje será um desafio enorme, mas o meu maior desejo é que as pessoas compreendam que não há nada que possam fazer para mostrar sua verdadeira identidade a não ser através de sua compreensão e experiência como filhos amados de Deus (Jo 1.12).

Um grande abraço e até as próximas semanas.

17 comentários sobre “Apresentação: faell

  1. que isso! ficou muito doido. nossa identidade é essa mesma. é legal viver com essa certeza, a de sermos filhos amados de Deus!
    será um prazer dividir os domingo com você meu amigo! Há alguns anos vimos andando juntos. Eu te admiro muito e que Deus nos abençoe em mais essa empreitada! abraçao!

  2. Muito bom “Fifinha” ou … “Gigi” (?!), será um grande acréscimo ao blog o seus textos meu amigo!

  3. Sensacional a novidade, Rafalino!!!

    Muito legal sua apresentação, amigão…

    Seja bem-vindo e vai ser muito bom poder ganhar com você…

    Grande abraço!!!

  4. uhul! Arrasou Fael, adorei seu texto. Vc escreve muito bem hem! Que Deus continue te abençoando pra vc continuar passando essas mensagens tao legais pra galera!
    Abs

  5. ….ah nao Fael, vc aqui?!!!! rs.

    Sabia q vc ia acabar se infiltrando nessa turma…….

    Bienvenuto!!!! =)

    p.s. mt boa a apresentacao!!!

  6. Valeu pessoal… espero muito poder contribuir de alguma maneira para que o blog seja uma ferramenta de Deus na vida das pessoas.
    Gostaria de deixar claro que o meu apelido é faell.
    Vidigas, essa apresentação tem realmente tudo a ver com o dia dos pais. Falamos que somos filhos amados pelo nosso Grande Pai: Deus. Não tem nada de destino… hehehe
    abraço a todos

  7. oo fael ! vai ser um prazer ler os textos de um dos caras que mais admiro no meu cotidiano de vida cristã =)

  8. Ganso, acho que vou aprender ainda mais com você.
    Valeu Pedrinho, tem sido muito bom estar com você e ganhar com você aos domingos. Abraço

  9. “Vale a pena dizer também que torço pro Galo Mineiro que me traz sentimentos variados, mas não quero entrar em detalhes. ”

    Muda de time, Fael! 😀
    Seja bem-vindo!!
    Bjos

  10. Ana, estes sentimentos vão desde uma pequena alegria até uma alegria plena. Não menos do que isso…hehehehe eu tenho muita esperança. bjo

  11. Êba!
    Vai ser bom poder continuar acompanhando suas ideias, já que não as ouço mais na reunião… =/

    E como é bom ser lembrada que eu não sou o que faço e que Deus me ama primeiro, sem eu precisar fazer nada! =]

    não sei se tenho esse direito, mas seja bem-vindo, Faell! xD

  12. Valeu Rafa… Obrigado por ter sido uma das pessoas que mais me motivou a escrever no blog.
    Lua, claro que vc tem direito… tamo junto.
    bjo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *