Amor (in)visível

Encontrei com um amigo na noite passada. Atualizamos os últimos acontecimentos.

Férias, natal, reveillon, viagem…

Falamos dos nossos problemas, das nossas famílias, dos projetos para 2012…

Conversamos sobre nossas dúvidas, nossas lutas, nossos pecados…

Conversamos, comemos, pensamos, rimos, divergimos…

Tudo muito natural. Estávamos livres.

Estávamos sem máscaras e, no entanto, era impressionante como tudo era agradável…

Antes do meu amigo sair do carro, eu fiz uma oração.

Ele agradeceu pela minha amizade. Houve reciprocidade.

Fui embora com uma convicção enorme de que Deus estava presente.

Cheguei em casa, abri a Bíblia e…

“Ninguém jamais viu a Deus; se amarmos uns aos outros, Deus permanece em nós, e o seu amor é, em nós, aperfeiçoado.” (I João 4:12)

É…

Eu estava certo…

Ele estava lá…

Um grande abraço!!!

Eduardo Victor

Sobre Eduardo Victor

Mineiro de Belo Horizonte, 33 anos, cristão e missionário em Alvo da Mocidade. Apaixonado pelas Escrituras, tornei-me um sonhador quando descobri que Deus pode nos surpreender com as coisas mais simples e inusitadas desta vida...

5 comentários sobre “Amor (in)visível

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *