A morada de Deus e a morada do homem

Essa semana fiz um estudo bem legal com um grupo de amigos sobre João 14. No início do capítulo Jesus fala o seguinte nos versos 1 à 3:

Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar.E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também.

Existe uma discussão sobre o que seria essa morada. Muitos, dentro de uma perspectiva escatológica, acreditam ser Jesus preparando um lugar físico na eternidade. Pensando em todo o contexto do capítulo prefiro crer em outra ideia. Olhando o ser humano vejo que uma das maiores carências nossa é a busca por segurança, por aceitação, proteção, intimidade … busca por moradia! Jesus demonstra possuir esse lugar: “Naquele dia conhecereis que estou em meu Pai…” e faz uma promessa para o homem no fim do mesmo verso: “…e vós em mim, e eu em vós.” (V.20) Jesus encontra moradia no Pai e ambos querem fazer moradia no homem e deixar que o homem faça moradia Neles.

Jesus respondeu, e disse-lhe: Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada. (v.23)

Creio que a morada que Jesus prepara está nesse novo relacionamento entre homem e Deus. Através da morte de Cristo dando ao homem um novo coração, coração pronto para ser moradia de Deus. Essa nova relação se estabelece através do Consolador: “E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre” ou seja, o “Espírito da verdade”(v.17). Creio que essa era a melhor mensagem que Jesus poderia deixar para seus discípulos, mensagem de conforto, de uma nova relação e de promessa de proteção, intimidade, aceitação, segurança, em uma moradia fantástica!

Que possamos fazer morada em Deus e deixá-lo fazer morada em nós!

Abraço e até a próxima!




Homero Castro

Sobre Homero Castro

Nome: Homero Resende Castro Nasci em 1979 em Belém do Pará, moro em Belo Horizonte desde 1989. Sou formado em História pela Universidade Federal de Minas Gerais. Desde 1999 trabalho como missionário na associação Alvo da mocidade. Eu e minha maravilhosa esposa, Camila temos duas filhinhas lindonas, Helena e Elisa, e uma sapeca cadela chamada Leona.

3 comentários sobre “A morada de Deus e a morada do homem

  1. Legal o post Homero. Na hora fui até o Sl 132.

    “Não darei sono aos meus olhos, nem repouso às minhas pálpebras, até que eu encontre lugar para o Senhor, morada para o poderoso de Jacó.” Sl 132.4-5.

    Meu desejo é não querer descansar, enquanto o Senhor não entrar e fazer morada (plenamente) no meu coração. Que Deus não seja apenas um visitante, mas tenha a moradia dele em nós e nós nele, como você disse.

    Valeu amigão…

  2. Que legal, Homero! Nunca tinha pensado dessa maneira!! Sempre interpretei da maneira escatológica mesmo hehe

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *