2 Coisas que o pai aprende com a filha sobre o “Pai”

Tenho uma filha com um pouco mais de dois anos, ela se chama Helena. Tenho consciência da responsabilidade de ensiná-la uma série de coisas, mas não tinha tanta consciência do quanto aprenderia com ela. Ultimamente tenho aprendido duas coisas que gostaria de compartilhar com vocês.

1º: O Pai que beija feridas:

Helena aprendeu que quando acontecer algum acidente onde ela se machuque precisa de recorrer ao pai com rostinho de choro. O pai tem a função de beijar a ferida, machucado (ou o pseudo machucado rsrsrs) para que aquele “sofrimento” termine.  no início eu me achegava a ela para beijá-la, hoje ela já chega, apontando o dedinho e dizendo: “dodói!” Fiquei pensando na magia que existe nesse processo, como a dor é aliviada pelo beijo do pai, e tenho certeza que isso ocorre ainda hoje em minha vida. Como preciso do Pai no momento de dor! Como preciso de sua atenção, de seu consolo, de seu beijo! As feridas não deixam de existir, a dor pode continuar, mas a certeza do beijo do Pai é um grande refrigério! Fico triste de pensar em tantos filhos que se distanciaram do Pai e não tem ninguém para beijá-los nos momentos em que as feridas se abrem! Nesse momento nem dinheiro, nem poder, nem drogas e nem vícios substituem os lábios do Pai! Não há melhor coisa do que desfrutar do beijo do Pai!

“Beije-me ele com os beijos da sua boca; porque melhor é o teu amor do que o vinho” (Cânticos 1:2)

 

A filha que ensina o pai à respeito do Pai

2º: O Pai que ensina orar:

Ontem a noite tive a oportunidade de orar com minha filha ao “papai do céu”. Agora ela está começando a diferenciar entre o “papai” o “papai noel” e o “papai do céu”. Mas enquanto fazia uma oração de agradecimento simples e ela repetia me veio à mente como não sei orar e como preciso do Pai para me ensinar a orar. Oramos o seguinte: “Papai do céu, obrigado pela mamãe, pelo papai, pela escolinha, pelos amigos, pelas vovós, pelo vovô, pelos titios e titias e pelo papa. Amém”  Ela repetiu tudo, foi papa (tomar mamadeira) e dormir um sono tranquilo. Como vi que não sei orar! Preciso que o Pai coloque as palavras em meu coração! E preciso aprender a descansar (dormir um sono tranquilo) após a conversa com o Pai.

“Se em algum momento nos cansamos de esperar, o Espírito de Deus está ao nosso lado, nos dando aquela força. Se não sabemos como orar, não importa. Ele ora em nós e por nós, utilizando nossos suspiros sem palavras, nossos gemidos de dor.” (Romanos 8:26 – Versão “A mensagem”)

“Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças.E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos sentimentos em Cristo Jesus.” (Filipenses 4:6-7)

Que possamos desfrutar uma intimidade inocente e infantil com o Pai que beija feridas e ensina orar!

Abraço e até a próxima!

 

 

Homero Castro

Sobre Homero Castro

Nome: Homero Resende Castro Nasci em 1979 em Belém do Pará, moro em Belo Horizonte desde 1989. Sou formado em História pela Universidade Federal de Minas Gerais. Desde 1999 trabalho como missionário na associação Alvo da mocidade. Eu e minha maravilhosa esposa, Camila temos duas filhinhas lindonas, Helena e Elisa, e uma sapeca cadela chamada Leona.

6 comentários sobre “2 Coisas que o pai aprende com a filha sobre o “Pai”

  1. Homero, gostei muito das suas reflexões! e como devemos aprender a agir mais como as crianças, né? afinal, delas é o Reino de Deus! (Lc 18:16)
    obs: que foto mais fofinha da heleninha! e esse pézinho? e mãozinha? hahaha muito bonitinha!!

  2. Não sei se eu me derreto mais com as historinhas ou com a foto da Helena…
    É reconfortante o quanto Deus tem a nos oferecer! Obrigada pelo post!!

  3. Também tenho pensado muito nos filhos que se distanciaram do Pai e não tem ninguém para beijá-los nos momentos em que as feridas se abrem! Hoje vejo o quanto eu precisava, e ainda preciso, aprender que nada no mundo poderá me trazer o conforto que um beijo Daquele que me ama e ma ensina traz! Preciso e quero ser mais como uma criança!
    OBS: A Heleninha é muito fofa mesmo!! =)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *